Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/customer/www/cabelosafricanos.com/public_html/wp-content/plugins/use-any-font/includes/functions/uaf_font_functions.php on line 469
Pesquisar
TOP

ACV – significa “Apple Cider Vinegar” (Vinagre de Maçã/Sidra). O vinagre de maçã é bastante benéfico para regular o pH do cabelo, o que resulta num cabelo mais brilhante, mais macio e capaz de absorver melhor os produtos hidratantes (cremes e máscaras). Também é útil na eliminação da caspa. Lê mais aqui sobre tratamentos com ACV.

Baby Hair – são os fios de cabelo curtinhos nas bordas do cabelo, por isso têm esse nome (cabelo de bebé). Muitas naturalistas gostam de moldar os seus baby hairs com gel ou ceras para criarem penteados super fashion.

Baggy Method – é um método que ajuda a reduzir a quebra dos fios, a prevenir as pontas espigadas, aumenta a retenção da hidratação e a elasticidade dos fios. Consiste em aplicar um leave-in/creme no cabelo seco ou meio húmido, essencialmente nas pontas, e a seguir cobrir o cabelo todo ou apenas as pontas com uma touca de plástico ou saco de plástico durante algumas horas. Opcionalmente, para uma máxima hidratação pode ser feito o método LOC, LCO ou LOCO antes de pôr a touca/saco de plástico. Este método é diferente do Greenhouse Effect e Umectação porque recorre ao uso de leave-in/cremes enquanto que no Greenhouse Effect e Umectação são apenas usados óleos ou manteigas naturais. Lê mais aqui sobre o Baggy Method.

Banding Method – é uma técnica usada para combater o encolhimento do cabelo natural. Consiste em adicionar vários elásticos a uma secção de cabelo de forma a apertá-la e assim causar o alongamento dos fios.

Bantu Knot – é o mesmo que coque/carrapito. Um penteado muito usado pelas tribos africanas de forma a proteger o comprimento do cabelo do exterior. O cabelo é divido em várias secções e enrolado em forma de nós. Este penteado também é conhecido com o nome Zulu Knots.

Bantu Knot Out – uma técnica para obter um penteado com caracóis que consiste em fazer coques (bantu knots) enquanto o cabelo está húmido e desfazê-los quando já estiver seco. No final, o cabelo fica com um formato diferente de caracóis. Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados. Vê aqui como se faz.

Big Chop (BC) – significa “um grande corte ao cabelo”. Quando alguém com o cabelo desfrisado decide cortar as pontas defrisadas e só deixar a parte natural do cabelo (raiz) diz-se que fez um Big Chop.

Botox Capilar – é um tratamento intensivo sem químicos, normalmente feito em salões de cabeleireiro, que repõe os nutrientes e proteínas perdidos dos fios, hidrata, dá brilho, sela as cutículas, diminui o volume e elimina praticamente todo o frizz. Esse preenchimento do cabelo resulta na redução do frizz e do volume, sem perder os caracóis naturais. Os ingredientes variam de acordo com o tipo de produto Botox. Em geral, é constituído por aminoácidos, nutrientes e vitaminas. É importante ter atenção ao produto utilizado, apesar de não ser frequente, algumas marcas de botox capilar podem ter formol ou glutaraldeído na sua fórmula, o que não são recomendados pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Brasil).

Braid n Curl – uma técnica para obter um penteado com caracóis que consiste em fazer tranças no cabelo húmido/hidratado e colocar rolos bigudins (perm rods) ou rolos flexíveis (flexi rods) nas pontas de forma a encaracolá-las ainda mais. Quando o cabelo seca, retira-se os rolos e desfaz-se as tranças para criar uns caracóis diferentes e bem definidos. Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Braid Out – uma técnica para obter um penteado com caracóis que consiste em fazer tranças no cabelo húmido/hidratado. Quando o cabelo seca desfaz-se as tranças para criar uns caracóis diferentes e definidos. Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Ceramidas – são lípidos. Os lípidos actuam como uma barreira na cutícula dos fios de cabelo, o que leva as camadas da cutícula a terem uma melhor ligação entre elas, impedindo assim que os fios percam nutrientes. Óleos naturais como o Óleo de cártamo, Óleo de semente de uvas, ou Óleo de Girassol contêm alto teor de ceramidas o que beneficia no selamento da cutícula do fio.

Champô Purificante/Clarificante/Clarificador/Anti-Resíduos – é um champô capaz de limpar a fundo todos os resíduos, impurezas e produtos deixados no cabelo e couro cabeludo. Estes champôs contêm sulfatos.

Chelating Shampoo – é quase como um champô purificante mas é mais do que isso! É um champô que remove também as impurezas deixadas no cabelo pelos desfrisantes e o cloro das piscinas. Para quem desfrisa o cabelo deve usar este champô uma semana antes e uma semana depois de desfrisar. Também deve ser usado depois de ir a uma piscina ou depois de ir à praia para remover completamente o cloro e/ou o sal do cabelo e couro cabeludo.

Cherry Lola Treatment – é um tratamento caseiro que ficou muito popular em 2009 pela sua eficácia no combate ao ressecamento dos fios, por tornar mais fácil o processo de desembaraçamento dos nós, adicionar brilho e encorajar a definição dos caracóis. É muito indicado para quem tem Baixa Porosidade, mas pode ser usado também em cabelos com outros tipos de porosidade. Clica aqui para veres como é feito este tratamento.

Comb Coils – uma técnica de obtenção de um penteado que consiste em usar a cauda de um pente rattail para criar caracóis bem definidos e apertados. Esta técnica é muito usada em cabelos curtos.

Co-Wash significa lavar o cabelo sem champô, ou seja, só lavar com um condicionador. O propósito é manter o cabelo mais hidratado no final da lavagem. Aqui explica pormenorizadamente.

Creamy Crack – é um termo usado para descrever os desfrisantes/relaxantes.

Cronograma Capilar – é uma rotina de cuidados do cabelo que consiste em intercalar etapas de hidratação, nutrição e reconstrução para repor todos os nutrientes e proteínas perdidos pelo fio. A frequência deve ser adaptada a cada tipo de cabelo e para facilitar a organização pode ser montado um cronograma com os dias da aplicação de cada etapa.

Crunch Feeling – é a sensação crocante no cabelo geralmente deixada pelos géis.

Curl Clumping – é o termo usado para descrever vários fios de cabelo aglomerados/”colados”. Quando usas potentes ativadores de caracóis, por exemplo como o gel, um conjunto de fios de cabelo são “colados”, os caracóis desses fios passam então todos a seguir uma só direção e dá uma visão clara que os caracóis estão bem definidos.

Curly Girl Method – é um conjunto de métodos e técnicas desenvolvido pela Lorraine Massey no livro “Curly Girl: The Handbook” de forma a conseguir caracóis mais saudáveis, hidratados e definidos eliminando o uso de certos produtos e ingredientes derivados do petróleo.

Curl Sponge – é uma técnica que consiste usar uma esponja para obter caracóis num cabelo curto. Técnica especialmente popular por homens africanos.

Custard – um produto finalizante que é uma combinação de creme + gel. Serve para definir e ao mesmo tempo hidratar os fios. Ao contrário dos Puddings, os Custards podem ter uma consistência mais parecida com um gel. Estes dois tipos de produtos são também ótimos para fazer penteados como Twist Outs, Braid Outs, Bantu Knot Outs, etc.

Day After – corresponde ao dia seguinte da lavagem do cabelo.

Dedoliss – uma técnica para obter caracóis com a máxima definição que consiste em passar uma pequena mecha do cabelo ao redor de um dedo como se fosse um modelador de caracóis.

Deep Conditioning – é um tratamento capilar que consiste na aplicação de uma máscara hidratante, nutritiva ou reconstrutora e uso de vaporização/calor durante 15 a 45min dependendo de cada tipo de cabelo. Opcionalmente, pode ser retirado o uso da vaporização/calor e deixar-se atuar durante 1h ou mais. Lê mais aqui sobre o DC (Deep Conditioning).

Densidade Capilar – refere-se à quantidade de fios de cabelo que tens em toda a cabeça. Em conjunto com o tipo de cabelo e espessura dos fios, é o que define se um cabelo tem pouco ou muito volume.

Esfoliante Capilar – assim como o esfoliante corporal, o esfoliante capilar contém partículas que retiram as células mortas e aceleram o processo de renovação celular do couro cabeludo. Além disso, ainda fazem uma lavagem profunda da raiz por isso não deve ser usado com regularidade.

EVCO – significa Extra Virgin Coconut Oil (Óleo de Coco Extra Virgem).

EVOO – significa Extra Virgin Olive Oil (Óleo de Oliva Extra Virgem / Azeite).

Finger Coils – é o mesmo que Dedoliss. Uma técnica para obter caracóis com a máxima definição que consiste em passar uma pequena mecha do cabelo ao redor de um dedo como se fosse um modelador de caracóis.

Fitagem – é uma técnica feita em cabelos encaracolados e crespos para obter caracóis super definidos, reduzir o frizz e controlar o volume. Consiste em dividir o cabelo em secções, dividir cada secção em várias mechas menores, aplicar um produto ativador e deslizar com os dedos entre os fios até formar caracóis definidos.

Flat Twist – uma técnica para obter caracóis diferentes que consiste em fazer twists “pegados” à cabeça enquanto o cabelo está húmido e hidratado e desfazê-los quando o cabelo já está seco. Pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Flexi Rod – é um rolo flexível usado para criar caracóis no cabelo. Existem rolos flexíveis de várias espessuras, cada um cria um formato de caracol diferente. O nome do penteado feito com estes rolos chama-se Flexi Rod Set. Este penteado pode ser feito tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Fluffing – refere-se à técnica de usar os dedos ou um pente garfo para criar mais volume ao cabelo desfazendo um pouco os caracóis da raiz.

Gel (EUA) vs Gel (BR) – a definição de gel no Brasil difere um pouco da definição de gel nos EUA. No Brasil, o gel é conhecido por ter uma consistência mais leve e líquida e tem o propósito de definir mas também dar volume aos caracóis. Já nos EUA o gel normalmente tem uma consistência bem densa e pesada e dá uma fixação e definição total ao cabelo. O gel nos EUA corresponde mais ao termo gelatina do Brasil.

Gelatina – é um produto de finalização bastante usado pelas naturalistas, principalmente no Brasil, para dar mais definição e fixação aos caracóis e controlar o frizz. Tem alta fixação, resultados duradouros e a consistência é também mais densa e pesada que o gel normal (do Brasil). Atenção: nos EUA e no Brasil a definição de gel não é bem a mesma! Lê o parágrafo anterior para perceberes melhor.

Greenhouse Effect – em portugês significa “Efeito de Estufa”. É idêntico à Umectação mas é uma técnica feita nos cabelos húmidos. Clica aqui para leres mais sobre o Greenhouse Effect.

Hair Journey – em português significa “Jornada do Cabelo”. É a expressão usada para definir a jornada de melhores cuidados capilares.

Henna – é uma tinta/pintura natural para os cabelos e pele. Também é útil para fortalecer os fios. Lê mais sobre isto aqui.

Hidratação – é uma etapa de tratamento capilar que tem como propósito repor as moléculas de água perdidas nos fios. A água proporciona maciez, brilho, elasticidade e menos frizz aos fios evitando que se partam facilmente com o manuseio, pentear, etc. Os fios de cabelo que mais facilmente perdem a hidratação são os cabelos com caracóis mais apertados ou crespos ou os cabelos porosos (alta porosidade). A etapa de hidratação antecede sempre a etapa de nutrição! Para fazer um tratamento hidratante usa-se água e/ou ingredientes como a glicerina, aloe vera, mel, pantenol, etc. Lê mais sobre este tema aqui.

Holy Grail Product – uma expressão usada para descrever os produtos mais maravilhosos que já alguma vez experimentaste.

Hot Oil Treatment – é uma técnica para nutrição dos cabelos secos e frisados. Consiste em aplicar um óleo natural quente ao cabelo húmido, cobri-lo com uma touca de plástico e deixar estar pelo menos 30 min (ou mesmo durante a noite). O óleo pode ser aquecido em banho-maria.

Humectante – é um tipo de ingrediente usado em produtos hidratantes para tirar a humidade do ar e retê-la para os cabelos. Alguns dos humectantes mais usados são a glicerina, o mel, e a aloe vera.

Inversion Method – é um método para acelerar o crescimento do cabelo que consiste em massajar todo o couro cabeludo durante alguns minutos de forma a estimular a circulação sanguínea e de seguida posicionar a cabeça para baixo para aumentar o fluxo de sangue no couro cabeludo. Este método é geralmente feito durante 7 dias consecutivos e depois faz-se uma pausa de 1 mês de forma a que o cabelo não se habitue. Lê mais aqui sobre este método.

JBCO – significa “Jamaican Black Castor Oil” (Óleo de Rícino Jamaicano). É um óleo que estimula o fortalecimento, crescimento e volume do cabelo. Vê mais informações sobre este óleo aqui.

Leave-in – é um condicionador que não precisa de ser removido do cabelo, ou seja, depois da aplicação do leave-in não se enxagua o cabelo. É quase idêntico a um creme mas foi inventado para ser usado essencialmente no cabelo molhado/húmido após a lavagem para que o cabelo permaneça o mais hidratado e macio possível. Os leave-in’s surgiram porque muitas pessoas com o cabelo encaracolado tinham por hábito deixar o condicionador no cabelo.

Length Plateau – é quando o cabelo chega a um estado de estagnação, parece estar preso num nível específico apesar dos esforços para reter o comprimento.

LOC – é um método muito usado nos cabelos naturais, especialmente os que têm alta porosidade ou porosidade normal, de forma a manter o cabelo hidratado durante um longo período de tempo. Nesta técnica utiliza-se água ou um leave-in, a seguir um óleo natural e por último um creme bem espesso ou manteiga de karité. Lê mais aqui sobre este método.

LCO – é um método idêntico ao método LOC, também muito indicado para os cabelos naturais, especialmente os que têm alta porosidade ou porosidade normal. Ajuda a manter o cabelo hidratado durante um longo período de tempo. Nesta técnica utiliza-se água ou um leave-in, a seguir um creme bem espesso ou manteiga de karité, e por último um óleo natural. Lê mais aqui sobre este método.

LOCO – é um método idêntico aos métodos LOC e LCO, também muito indicado para os cabelos naturais demasiado secos e para quando os métodos anteriores não deram resultado. Ajuda a manter o cabelo hidratado durante um longo período de tempo. Neste método utiliza-se água ou um leave-in, a seguir um óleo natural mais leve, depois um creme bem espesso ou manteiga de karité, e por último um óleo selante mais espesso (pode ser um óleo com alto teor de ceramidas).

Low Poo – é uma técnica de cuidados de cabelo em que são utilizados champôs somente sem sulfatos e produtos sem componentes derivados do petróleo (petrolatos/petrolatum, óleo mineral, parafina liquida, vaselina…). Acredita-se que os sulfatos e os componentes derivados do petróleo possam prejudicar a retenção de hidratação nos fios.

Matizador – é o nome dado a produtos que neutralizam a cor dos fios. Retira as partículas de cor indesejadas adquiridas no dia a dia, como poluição e resíduos de outros produtos, deixando a cor dos fios mais pura. Normalmente é muito usado nos cabelos loiros para remover o amarelado.

Maximum Hydration Method – significa “Método de Máxima Hidratação”. É um método que consiste num conjunto de 5 passos. Foi elaborado para aumentar sistematicamente os níveis de hidratação do cabelo até que a hidratação máxima seja atingida. Os passos são os seguintes: 1º Cherry Lola Treatment, 2º Purificar, 3º CoWash, 4º Enxaguamento com Argila, 5º Finalizar normalmente. Este método tem muito em conta, essencialmente, quem tem Baixa Porosidade. É bastante indicado também para quem tem os fios severamente ásperos e ressequidos.

Moisturize & Seal – em português significa “Hidratar & Selar”. É uma técnica muito usada, especialmente nos cabelos desfrisados, para hidratar o comprimento com mais foco nas pontas do cabelo. Utiliza-se um creme à base de água e depois no fim aplica-se um pouco de um óleo natural que serve para selar as pontas e não deixar que o cabelo perca a hidratação com o passar das horas. Aqui explica pormenorizadamente.

Nappyversary – também conhecido como Nattyversary. É a data de aniversário do teu cabelo natural. O 1º Nappyversary corresponde à data que o teu cabelo natural fez 1 ano de Big Chop.

Naturalista / Natureba – pessoa que usa o cabelo natural (sem desfrisos, relaxantes ou outros alisamentos como p.e. progressiva).

Nutrição – é uma etapa de tratamento capilar que tem como propósito repor os nutrientes (lípidos) que o cabelo perde. Esta etapa sela as cutículas dos fios para que as moléculas hidratantes não saiam. Com a nutrição, a hidratação dura mais tempo no cabelo. Esta etapa é essencialmente fundamental nos cabelos muito encaracolados e crespos, porque são os que ressecam com mais facilidade. A etapa de nutrição deve ser feita sempre a seguir a um processo de hidratação. Para fazer um tratamento nutritivo normalmente são usados óleos naturais, ou máscaras nutritivas, ou manteigas naturais, etc. Algumas técnicas para fazer uma Nutrição são por exemplo: o Deep Conditioning, ou o Moisturize & Seal, ou Umectação, ou os métodos LOC / LCO / LOCO, ou o Baggy Method. Lê mais aqui sobre a Nutrição.

No Poo – é uma técnica de cuidados de cabelo em que não são utilizados champôs nem produtos com componentes derivados do petróleo (petrolatos/petrolatum, óleo mineral, parafina liquida, vaselina…) nem produtos com silicones insolúveis. Para a lavagem dos cabelos é usado um condicionador Co-Wash. Acredita-se que os sulfatos, os componentes derivados do petróleo, e os silicones insolúveis possam prejudicar a retenção de hidratação nos fios.

Perm Rod – é o mesmo que bigoudis/bigudins. É um rolo normalmente usado em salões de cabeleireiro para fazer permanente mas foi adoptado por muitas naturalistas para criar caracóis diferentes no cabelo natural. O nome do penteado feito com estes rolos chama-se Perm Rod Set. Este penteado pode ser feito tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Pineappleing – é o mesmo que “coque abacaxi”. É um penteado usado para dormir de forma a não estragar os caracóis durante a noite. Consiste em apanhar o cabelo num rabo-de-cavalo alto solto e cobrir a zona de trás do cabelo com um lenço de cetim ou usar uma fronha de cetim. De manhã os caracóis estarão intactos.

Plopping uma técnica de secar o cabelo sem ressecar nem causar frizz aos fios. Para fazer enrola-se o cabelo numa t-shirt ou numa toalha de microfibra e deixa-se estar durante uns minutos. A secagem com a toalha normal causa atrito nos fios e, por conseguinte tornam-se mais ressequidos e frisados.

Prepoo – é um tratamento com máscaras ou com óleos naturais que se faz antes de lavar o cabelo. Consiste em aplicar, por exemplo, uma máscara no cabelo seco ou humedecido, um dia antes ou umas horas antes de lavar o cabelo, para deixá-lo mais hidratado, macio e fácil de desembaraçar. Também pode ser feito usando a técnica de Umectação, ou seja, aplicando óleos naturais no couro cabeludo e comprimento dos fios umas horas antes de lavar. Há quem prefira fazer Prepoo do que fazer tratamentos com máscaras depois do champô e também há quem faça os dois.

Product Junkie – uma expressão usada a uma pessoa que tem o vício compulsivo de comprar produtos de beleza.

Protective Style – em português significa “Penteados Protectivos”. São penteados que ajudam o teu cabelo a manter-se afastado do calor dos secadores/alisadores e de outros agentes exteriores. Exemplos destes penteados são os apanhados em Donuts, Bantu Knots, Braid Outs, Twist Outs, apanhados em Rabo-de-cavalo, perucas, tissagens, crochet, entre outros. Vê aqui algumas sugestões de Protective Styles.

Porosidade do Cabelo – corresponde à capacidade que o cabelo tem de reter hidratação. Um cabelo com baixa porosidade sente dificuldade a absorver a hidratação mas assim que absorve retém-na durante um bom tempo. Um cabelo poroso (com alta porosidade) absorve rapidamente a hidratação mas preserva-a durante pouco tempo.

Pudding – é um produto finalizante que é uma combinação de creme + gel. Serve para definir e ao mesmo tempo hidratar os fios. Ao contrário dos Custards, os Puddings costumam ter uma consistência mais parecida a um creme (meio que um pudim), enquanto que os Custards costumam parecer-se mais com um gel. Estes dois tipos de produtos são também ótimos para fazer penteados como Twist Outs, Braid Outs, Bantu Knot Outs, etc.

Reconstrução – é o mesmo que Protein Treatment. É uma etapa de tratamento capilar que tem como propósito repor as proteínas nos fios. As proteínas fortalecem o cabelo, deixando-o mais resistente, e também selam as cutículas. As reconstruções são altamente indicadas para quem tem cabelos quebradiços, frágeis/danificados, ou porosos (alta porosidade), ou desfrisados, ou pintados, ou com madeixas, ou com progressiva, ou fracos e pouco volumosos. Também é bastante indicada para quem usa calor no cabelo (alisadores ou secadores). Para fazer um tratamento reconstrutor normalmente são usadas máscaras reconstrutoras. Lê mais sobre este tema aqui.

Regime Semanal – é o mesmo que Rotina Capilar.

Scab Hair – é um termo não-científico utilizado para descrever a raiz de cabelo que cresce logo após se ter deixado de usar desfrisantes (ou outros químicos) no cabelo. Este cabelo é, normalmente mais ressequido, poroso, frisado e sem muita definição.

Selagem – significa “tapar” as falhas na cutícula dos fios de cabelo de forma a que as moléculas de água e os nutrientes não se percam, assim o cabelo mantém-se hidratado durante um longo período de tempo e sem frizz. Uma ótima forma de proporcionar a selagem dos fios é aplicar óleos ou manteigas naturais depois de se ter hidratado com creme. Aqui explica pormenorizadamente.

Shingling – uma técnica manual de obtenção de caracóis definidos que consiste em aplicar um produto ativador de caracóis, espalhando-o da raiz às pontas, numa direção descendente, enquanto se alisa e se estica um conjunto de poucos fios de cabelo usando os dedos. Idêntica à técnica de fitagem estruturada.

Straw Curls – é o nome de uma técnica usada para obter caracóis definidos e apertados com o uso de palhinhas (canudos em brasileiro). Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Stretching – é o termo que se usa quando se alonga o período sem desfrisar o cabelo. Por exemplo, antes costumavas desfrisar de 8 em 8 semanas e agora desfrisas de 12 em 12 semanas, a isso chama-se Stretching. Também se pode chamar Stretching ao ato de tentar combater o fator encolhimento do cabelo natural usando diversas técnicas.

Texlaxing – significa o ato de desfrisar o cabelo misturando algum óleo natural ao desfrisante para que fique menos forte e o cabelo não acabe 100% desfrisado, fica com algumas ondulações. Aqui explica pormenorizadamente o que é Texlaxing.

Texturizer – é o mesmo que relaxante. É um desfrisante que não tem como intuito alisar os fios, mas sim abrir os caracóis. Um exemplo de Texturizer é o Just For Me Texture Softener.

Texturização – consiste em influenciar ou estimular os fios a ganhar forma ou até mesmo uma nova textura. É muito usada por quem está a passar pela transição e quer deixar as pontas lisas com caracóis naturais de forma a combinar com a raiz. A Texturização pode englobar diferentes técnicas como: bantu knot out; flexi rod set; perm rod set; braid out; twist out, straw curls, etc…

Transição – é a palavra usada para definir o processo de passar de um cabelo desfrisado para um cabelo totalmente natural.

TWA – significa “Teeny Weeny Afro”. Usa-se esta expressão para definir um cabelo afro muito curto (com um comprimento de cerca de 2,5cm). Normalmente referenciado após ter sido feito um Big Chop (BC).

Twist n Curl – uma técnica para obter caracóis que consiste em fazer twists no cabelo húmido/hidratado e colocar rolos bigudins (perm rods) ou rolos flexíveis (flexi rods) nas pontas de forma a encaracolá-las ainda mais. Quando o cabelo seca, retira-se os rolos e desfaz-se os twists para criar uns caracóis diferentes e bem definidos. Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Twist Out – uma técnica para obter caracóis que consiste em fazer twists no cabelo húmido/hidratado. Quando o cabelo seca desfaz-se os twists para criar uns caracóis diferentes e definidos. Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Three Strand Twist – uma técnica para obter caracóis que consiste em fazer twists com três pontas no cabelo húmido/hidratado. Quando o cabelo seca desfaz-se os twists para criar uns caracóis diferentes e definidos. Esta técnica pode ser feita tanto em cabelos naturais como desfrisados.

Umectação – é uma técnica prepoo com óleos naturais que nutre, faz reter a hidratação e fortalece os fios que estão secos e/ou danificados. Aplica um ou mais óleos naturais da tua preferência no cabelo, deixa atuar durante 30min a 2h e de seguida lava o cabelo normalmente. Também pode ser feita uma umectação nocturna se tiveres o cabelo extremamente ressequido ou danificado. A Umectação é diferente do Baggy Method, no Baggy Method é usado um leave-in/creme com ou sem óleos enquanto na Umectação/Greenhouse Effect são usados somente os óleos naturais.

Wash-N-Go – é quando decides lavar o cabelo e deixá-lo secar ao natural sem ajuda de brushing e sem recorrer a penteados como Twist Outs, Braid Outs, etc. Apenas deixar o cabelo solto a secar. Podes usar ativadores de caracóis como opção para encaracolar o cabelo.

Wet-N-Go – uma técnica parecida ao Wash-N-Go, mas neste caso não se lava o cabelo. Consiste em molhar ou humedecer o cabelo com água e um leave-in para ativar os caracóis. Esta técnica é normalmente feita no Day After.


Descobre o teu Tipo de Cabelo, Porosidade e Densidade

Clica aqui para descobrires estas 3 características do teu cabelo.

Follow @cabelosafricanos